3.9 C
Munique
12.9 C
Porto
CulturaMês Municipal do Cuidador em Lousada

Mês Municipal do Cuidador em Lousada

Relacionados

Paredes: Nova creche para 60 crianças em Gandra pronta em 18 meses

O edifício do antigo jardim de infância de Trás-as-Vessadas, em Gandra, vai ser requalificado e convertido numa creche com capacidade para 60 crianças, dos 4...

Penafiel: Lar é alvo de buscas por suspeita de falta de instalações adequadas e maus tratos

As Autoridades de saúde, da segurança social juntamente com a GNR realizaram, na última quinta-feira, buscas numa instituição de acolhimento de idosos na zona...

Valongo aprova o maior orçamento de sempre

A proposta de Orçamento e Grandes Opções do Plano da Câmara Municipal de Valongo para o ano 2024 tem o montante total de 114.930.000€,...

Assinalou-se no dia 5, o Dia Mundial do Cuidador e novembro passa a ser o Mês Municipal do Cuidador em Lousada.

Boa-Imagem
Direitos Reservados

O evento realizou-se no auditório da Escola Secundária, com um espetáculo cultural. Na sessão de abertura, a Vereadora da Ação Social da Câmara de Lousada, Dra. Maria do Céu Rocha, começou por afirmar que “no nosso Concelho, temos o Centro de Apoio ao Cuidador Informal de Lousada (CACIL), promovido pela Santa Casa da Misericórdia, que em estreita colaboração com a Segurança Social, a Unidade de Cuidados na Comunidade (UCC) e o Município de Lousada apresentam uma resposta integrada de apoio ao cuidador”.

Ainda de acordo com a Dra. Maria do Céu Rocha “estima-se que existam cerca de 500 cuidadores que prestam muitas horas de cuidados, que vão desde os cuidados de supervisão até ao cuidado total no que diz respeito às necessidades básicas da pessoa cuidada. Estes cuidadores, apesar de insubstituíveis, muitos continuam ainda invisíveis. Numa parte muito significativa dos casos, cuidadores informais há mais de um ano, que prestam cuidados quase a tempo inteiro, não têm qualquer tipo de apoio”.

papelaria-abc
Direitos Reservados

A Vereadora da Ação Social teve ainda a oportunidade de destacar que em Lousada “existe atualmente uma aposta clara nos cuidados de saúde dirigidos e inseridos na comunidade, integrando várias respostas sociais e de saúde, cujo objetivo é disponibilizar cuidados preventivos que previnam e minimizem a sobrecarga sentida pelos cuidadores. Os técnicos da Segurança Social, do CACIL, da Saúde e também do Município de Lousada trabalham todos os dias para que a vida dos cuidadores de Lousada seja um bocadinho melhor. Este foi um dos motivos que levou a que Lousada recebesse o Selo que reconhece as Autarquias que Cuidam dos Cuidadores Informais, mas nunca nada está concluído”.

O Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lousada, Eng. Bessa Machado, começou por dar nota, na sua intervenção, da sua experiência pessoal como cuidador informal, facto que o levou a propor a criação de Centro de Apoio ao Cuidador Informal em Lousada. Na sua intervenção destacou ainda que todos os “cuidadores informais, cujo número pode ultrapassar os que estão sinalizados oficialmente, devem ter em consideração os apoios locais que são facultados”.

A tarde foi animada pelo Grupo de Cavaquinhos da USALOU – Universidade Sénior de Lousada, pela School Dance, pela fadista Salomé Pinto, acompanhada de João Teixeira, Jorge Teixeira e Carlos Ferreira, pela equipa de cuidadores informais que promoveu um apontamento de teatro, tendo havido também declamação de poesia por Diana Leal.

freemotion
Direitos Reservados

Município é parceiro em resposta social “Lousada Cuida”

O Município de Lousada, em 2020, iniciou uma parceria com a Santa Casa da Misericórdia de Lousada e, em conjunto, criou uma bolsa de cuidadores formais, que permita substituir o cuidador para o seu descanso pessoal. Com esta parceria emergiu a resposta social “Lousada Cuida”, integrada nos vários serviços do Centro de Apoio ao Cuidador Informal de Lousada (CACIL).

O papel do Município é sobretudo apoiar financeiramente o projeto, de modo que um cuidador substitua o cuidador informal para o seu descanso ou para necessidades simples, como uma ida aos serviços de saúde, às compras ou cortar o cabelo, entre muitas outras tarefas que quem cuida 24 sobre 24 horas, fica impedido de fazer.

wells
Direitos Reservados
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -