O PSD Paredes enviou uma carta à Direção Geral da Saúde (DGS) a solicitar um esclarecimento sobre o caso de legionalla detetado nos equipamentos desportivos em Recarei.

Os sociais-democratas paredenses referiram estar  preocupados com “a saúde de todos os munícipes de Paredes, e porque não confia na palavra do presidente da Câmara, Alexandre Almeida, já que este ocultou a verdade à população e não se mostrou competente ao longo deste processo de contaminação de legionella, tem a responsabilidade política e moral de informar a população do concelho sobre a verdadeira situação nos diversos espaços desportivos”.

Nesse sentido, o presidente do PSD Paredes enviou uma carta à Direção-Geral de Saúde a pedir esclarecimentos. 

Leia a carta envida por Ricardo Sousa.

"Recentemente, no complexo desportivo Rota dos Móveis (piscina e ginásio), em Recarei, Paredes, foi detetada a legionella, o que levou ao encerramento deste espaço.

Após a denúncia pública do PSD Paredes sobre esta contaminação, Alexandre Almeida, presidente da Câmara de Paredes, foi obrigado a confirmar a presença da bactéria nas piscinas e condutas de água das piscinas e do ginásio. Esta confirmação, tardia e a reboque da chamada de atenção do PSD, contribuiu para adensar os receios dos utilizadores destes equipamentos e aumentar a desconfiança em relação às informações transmitidas pela autarquia.

A ocultação de informações importantes para a saúde pública, por parte do presidente da autarquia, leva os paredenses a temerem pela sua saúde quando utilizam este e outros equipamentos desta natureza, que existem no concelho. Esta intranquilidade, associada ao momento delicado que vivemos há alguns meses (COVID19), tem causado um indesejável mal-estar social.

O PSD Paredes, preocupado com a saúde de todos os munícipes de Paredes, e porque não confia na palavra do presidente da câmara, Alexandre Almeida, já que este ocultou a verdade à população e não se mostrou competente ao longo deste processo de contaminação de legionella, tem a responsabilidade política e moral de informar a população do concelho sobre a verdadeira situação nos diversos espaços desportivos.

Pelo exposto, resta-nos apelar às entidades competentes na área da saúde, para termos garantias das condições de segurança sanitária em todos os equipamentos desportivos similares ao de Recarei, em Paredes. 

Pode a Direção Geral da Saúde (DGS) garantir aos Paredenses que podem ser todos utilizados e sem perigo para a saúde pública? Podem os utilizadores disfrutar com tranquilidade de todos os serviços aí prestados?

Agradeço resposta às nossas inquietações, que fazem eco daquelas que são as preocupações da população.

Grato pela atenção, apresento os meus melhores cumprimentos.

O Presidente do PSD,

Ricardo Sousa”

Pin It