Um homem de 27 anos foi detido pela GNR por ter ameaçado de morte e perseguido a ex-companheira, de 19 anos. Tribunal decretou proibição de contactos com a vítima.

É mais um caso de violência doméstica na região, desta vez no concelho de Penafiel. Um homem, de 27 anos, residente no concelho de Penafiel, foi detido, devido a perseguições recorrentes e ameaças de morte dirigidas à ex-companheira, de 19 anos. O indivíduo, “caracterizado como sendo uma pessoa muito agressiva, consumidor de álcool e drogas, foi detido por necessidade de intervenção urgente, em virtude das perseguições e ameaças de morte dirigidas á vítima, sua ex-companheira, de 19 anos, quando teve conhecimento de uma queixa crime contra si apresentada”.

Nas diligências efetuadas, “os militares da Guarda apuraram que, durante o relacionamento de quatro anos, foram formalizadas várias denúncias por maus-tratos, por terceiras pessoas, sendo que a vítima, por medo, negava sempre os factos. Num episódio recente, a vítima teve de aguardar auxílio num local ermo, após ter sido violentamente agredida. Da relação, existem dois filhos menores, de dois e três anos de idade, os quais se encontram à guarda da avó materna”.

Presente a tribunal, foi aplicada ao detido o afastamento da residência, proibição de contactos por qualquer forma ou meio com a ofendida, bem como tratamento médico à dependência do álcool e da droga.

Pin It

Mais Lidas