A Câmara Municipal de Felgueiras está a ponderar rescindir o contrato com a maior distribuidora de energia de Portugal se, no prazo de 15 dias, a EDP não reparar as avarias que lhe foram reportadas, sendo que muitas delas põem em causa a segurança dos Felgueirenses.