O Rebordosa Atlético Clube recebeu no passado domingo o Aliados Futebol Clube Lordelo, no Estádio Monte de Azevido, em Rebordosa, em jogo a contar para a 29ª jornada do campeonato da Associação de Futebol do Porto Divisão Elite-Pro-Nacional Série 2.

Foi um jogo emotivo, como há muito que não se via. Mas o Aliados Futebol Clube Lordelo foi a equipa que dispôs das melhores oportunidades de golo. E até falhou um penalti. Essa ineficácia custou-lhe caro, porque o Rebordosa Atlético Clube, pragmático no remate, aproveitou o desespero do adversário para vencer o jogo.  

Nas bancadas, carregadas de adeptos vigorosos, davam asas às bandeiras quando a bola baloiçava as redes. E davam voz ao tambor quando o jogo era amorfo.   

Depois do apito final, o caldo entornou. A origem esteve nas quatro linhas, com os jogadores engalfinhados. Isso contaminou as equipas técnicas e os adeptos. A polícia teve então que intervir.

Não sei qual foi o motivo da confusão. E nem interessa, porque nada justifica a batalha campal. Nada. Nem mesmo um impropério. Não nos podemos esquecer que nas bancadas estiveram meninos. Meninos que chegaram a casa com medo.  

Pin It