-0.5 C
Munique
11.8 C
Porto
NacionalPortugal: Enfermarias e Cuidados Intensivos contam com menos infetados por Covid-19

Portugal: Enfermarias e Cuidados Intensivos contam com menos infetados por Covid-19

Até ao momento, Portugal conta com uma taxa de incidência e transmissibilidade de 0,67%, percentagem baseada na média de 1.731 novos casos por dia. Região de Lisboa e Vale do Tejo apresenta uma média de 867 novos casos por dia, seguida do Norte com 416 novos casos por dia.

Relacionados

GNR deteve jovem por tráfico de droga em Paços de Ferreira

A GNR de Paços de Ferreira deteve, ontem, um homem de 22 anos por tráfico de droga no concelho. No âmbito de uma ação de...

179 cidadãos de Baião exerceram o voto antecipado em mobilidade

No passado domingo, no concelho de Baião, 179 cidadãos exerceram o seu direito ao voto antecipado em mobilidade no âmbito das eleições legislativas de...

Santo Tirso: Incêndio deflagra numa habitação em Refojos

Ontem, ocorreu um incêndio numa habitação na Rua de Sande, em Refojos, município de Santo Tirso. O alerta para o incêndio foi dado pelas...

Através dos vários relatórios que o EMISSOR averiguou, é possível auferir qual a evolução atual da pandemia de COVID-19, à data da atualização realizada a 21 de fevereiro de 2021, onde consta a evolução até ao dia 17 de fevereiro, é estimado terem ocorrido 802.038 casos de COVID-19 em Portugal.

Em relação ao posicionamento de Portugal face à Europa, verifica-se que Portugal apresenta uma taxa de notificação acumulada de 14 dias entre os 240 a 479.9 casos por 100 mil habitantes, uma taxa elevada com tendência decrescente. Neste momento, o índice de transmissibilidade e incidência da COVID-19 é inferior a 1, com um valor médio diário, baseado numa média de 1.731 novos casos por dia, com uma taxa de transmissibilidade e incidência de 0,67% com uma confiança de 97%.

Até ao momento, já foram realizados estudos que estimam que Portugal precisará de cerca de 9 dias para reduzir o número de casos de SARS-CoV-2 para metade. É possível auferir, até ao momento, a média de novos casos por dia nas várias regiões:

Até a momento, a taxa de incidência nos grupos mais vulneráveis, de acordo com os dados, sugere uma redução do número de casos em todos os grupos etários, incluindo a população com 85 ou mais anos. A taxa de notificação máxima situou-se na sexta semana de 2021, entre o dia 8 e 14 de fevereiro, no grupo etário dos 85 ou mais anos, com 368 novos casos por 100 mil habitantes.

Relativamente ao impacto existente face à hospitalização e ao número de óbitos, verificou-se uma tendência decrescente no número de doentes com SARS-CoV-2 hospitalizados na enfermaria e nos cuidados intensivos. Já a taxa cumulativa de óbitos por Covid-19 nos últimos 14 dias foi de 173 por 1 milhão, revelando uma tendência decrescente.

 

Análise de doentes hospitalizados e internados nos cuidados intensivos

Além destes dados, foi ainda analisada a evolução do número de doentes hospitalizados no âmbito da doença COVID-19, ao nível diário. O que sugere um aumento acentuado desde o dia 28 de dezembro de 2020 até ao dia 25 de janeiro de 2021, casos que, posteriormente, acabaram por vir a diminuir até ao dia 22 de fevereiro do presente ano.

No que diz respeito ao número de doentes hospitalizados na Unidade de Cuidados Intensivos, a tendência é crescente, nomeadamente desde o dia 4 de janeiro de 2021 até ao dia 1 de fevereiro. Desde então que têm vindo a diminuir até ao momento.

 

pub

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido