28.8 C
Munique
22.7 C
Porto
RegionalPaços de FerreiraGuarda prisional atingiu formanda e é acusado de homicídio

Guarda prisional atingiu formanda e é acusado de homicídio

Relacionados

Paredes – Detido por ameaças com arma de fogo

O Comando Territorial do Porto, através do Posto Territorial de Lordelo, no dia 7 de agosto, deteve um homem de 52 anos por ameaças...

Paços de Ferreira – Assembleia Municipal

- COMUNICADO - Membros da Assembleia Municipal de Paços de Ferreira do PSD No passado dia 4 de agosto, em plena Assembleia Municipal Extraordinária, solicitamos que...

Paços de Ferreira – COMUNICADO PSD “Indesculpável e inaceitável”

- COMUNICADO - Indesculpável e inaceitável qualquer erro de comunicação Hoje, ficou claro que o PSD de Paços de Ferreira nunca recebeu do Presidente da Câmara...

Após ter atingido Carla Amorim, o guarda prisional da cadeia de Paços de Ferreira, está a ser julgado.

No Tribunal de Paços de Ferreira, acusa-se o guarda prisional por ter atingido uma formanda, de 30 anos, durante uma formação de tiro que decorria, a 6 de novembro de 2018, na cadeia de Paços de Ferreira.

Carla Amorim foi atingida no peito. Os pais consideraram a ação intencional e pediram que o guarda prisional fosse condenado por homicídio qualificado.

O arguido está a ser acusado de homicídio por negligência “grosseira”. Ao Porto Canal o advogado do arguido defende que o guarda “não sabia que existia uma munição dentro da arma”.

O julgamento decorreu hoje, no Tribunal de Paços de Ferreira.

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido