DestaqueLousada – Arguidos por contrafação

Lousada – Arguidos por contrafação

Relacionados

Paços de Ferreira: Atletas Pacenses destacam-se no Campeonato Nacional

Nos passados dias 4 e 7 de abril, o Complexo Olímpico de Piscinas de Coimbra recebeu os Campeonatos Nacionais de Juvenis, Juniores e Absolutos...

Protocolo impulsionador do Enoturismo no Douro e Tâmega é assinado

A Associação de Municípios do Douro e Tâmega e a Associação Empresarial de Amarante (AEA) celebraram esta segunda-feira, 8 de abril, após aprovação em reunião...

Paredes: Tribunal altera pena de homem que matou três ciclistas em 2019

O Tribunal da Relação do Porto alterou para prisão efetiva a pena aplicada ao condutor que matou dois motociclistas e feriu um terceiro, na...

O Comando Territorial do Porto, através do Posto Territorial de Lousada, ontem, dia 27 de julho, constituiu arguido dois homens com 46 e 47 anos, por contrafação, no concelho de Lousada.

No âmbito do policiamento de proximidade às festas da cidade de Lousada, os militares da Guarda fiscalizaram duas bancadas que tinham exposto, para venda ao público, diversos artigos. Durante a fiscalização apurou-se que o material, que ostentava várias marcas conhecidas no mercado, era contrafeito, motivo que levou à sua apreensão, nomeadamente, 11 carteiras, 11 pares de óculos e cinco bonés.

Os suspeitos, com antecedentes criminais por ilícitos da mesma natureza, foram constituídos arguidos e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Lousada.

A Guarda Nacional Republicana relembra que o objetivo principal deste tipo de ações é garantir o cumprimento dos direitos de propriedade industrial, visando essencialmente o combate à contrafação, ao uso ilegal de marca e à venda de artigos contrafeitos.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -