DestaquePenafiel - Município de Penafiel substitui-se ao Estado no apoio às instituições...

Penafiel – Município de Penafiel substitui-se ao Estado no apoio às instituições sociais

Relacionados

Paços de Ferreira: Atletas Pacenses destacam-se no Campeonato Nacional

Nos passados dias 4 e 7 de abril, o Complexo Olímpico de Piscinas de Coimbra recebeu os Campeonatos Nacionais de Juvenis, Juniores e Absolutos...

Protocolo impulsionador do Enoturismo no Douro e Tâmega é assinado

A Associação de Municípios do Douro e Tâmega e a Associação Empresarial de Amarante (AEA) celebraram esta segunda-feira, 8 de abril, após aprovação em reunião...

Paredes: Tribunal altera pena de homem que matou três ciclistas em 2019

O Tribunal da Relação do Porto alterou para prisão efetiva a pena aplicada ao condutor que matou dois motociclistas e feriu um terceiro, na...

Câmara Municipal vai contribuir com 80% do valor que deveria ser assumido pela Segurança Social. Em causa está o apoio aos utentes seniores. O Município de Penafiel vai apoiar diretamente 5 associações de solidariedade social que não têm apoio integral, por parte da Segurança Social, como é o caso de Abragão, Paço de Sousa, Portela, Rio Mau e Sebolido.

Nenhuma destas 5 associações tem qualquer tipo apoio da Segurança Social para dar resposta, na totalidade, aos seus projetos dedicados aos utentes seniores, o que dificulta o dia-a-dia destas instituições que, por vezes, não conseguem fazer face às despesas de funcionamento.

No caso de Abragão vão ser apoiados utentes que não recebem qualquer tipo de suporte da Segurança Social e, no caso de Paço de Sousa, o Município de Penafiel vai substituir-se na totalidade à segurança social, no âmbito do centro de dia assumindo 80% dos custos com os seus 22 utentes.

Portela, Rio Mau e Sebolido, sendo projetos sociais, não são elegíveis para receber financiamento do Estado, mas vão contar também com o apoio do município de Penafiel para os seus projetos de apoio aos cidadãos seniores.

O investimento para garantir o bem estar dos cerca de 100 cidadãos seniores, que frequentam estas associações, representa cerca de 50.0000€, até ao final do ano, apoio que a Segurança Social deveria fornecer no âmbito das respostas sociais que está na sua alçada.

Em todo o caso a câmara municipal não permitirá que estes cidadãos corram o risco de perder o apoio e acompanhamento que estas associações lhes fornecem, nomeadamente ao nível de alimentação, saúde, envelhecimento ativo, entre outros.

Para o Presidente da Câmara Municipal de Penafiel, Antonino de Sousa, “Estas instituições, que não têm acordos com a Segurança Social, nem qualquer apoio do Governo central, vivem tempos muito difíceis e situações de grande fragilidade financeira. Em última instância é a saúde e o bem estar dos nossos concidadãos seniores que está em causa. Por isso, decidimos apoiar financeiramente estas instituições para que elas continuem a apoiar os nossos concidadãos. Mais uma vez, na hora da verdade é a Câmara Municipal que está sempre presente.”

Além da falta de acordo com a Segurança Social, a atual realidade económica do país, com a inflação e a consequente subida dos preços de energia (gás e eletricidade), dos combustíveis e de outros bens essenciais prejudicaram ainda mais as situações financeiras das IPSS’s.

Os acordos de cooperação, agora celebrados entre o Município de Penafiel e as Associações de Abragão, Paço de Sousa, Portela, Rio Mau e Sebolido vão estar em vigor até ao final do ano de 2023, com possibilidade de renovação, caso o Estado continue a ignorar o problema.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -