-3 C
Munique
6.5 C
Porto
DestaqueMunicípio de Paredes recebeu alunos no âmbito do programa Erasmus+

Município de Paredes recebeu alunos no âmbito do programa Erasmus+

Relacionados

Valongo – Detido em flagrante por tráfico de estupefacientes

O Comando Territorial do Porto, através do Posto Territorial de Valongo, ontem, dia 25 de janeiro, deteve em flagrante um homem de 23 anos,...

Guimarães – Detenção de suspeito de pornografia de menores

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Braga, procedeu à detenção, em flagrante delito, de um homem de 18 anos de...

Música de câmara no Centro de Interpretação do Românico

O Centro de Interpretação do Românico, em Lousada, recebe o quarteto de cordas da Orquestra da Costa Atlântica (OCA), no próximo sábado, 28 de...

A Câmara Municipal de Paredes recebeu alunos no âmbito do projeto “Inteligência artificial, tecnologias e empregos do futuro”, do programa Erasmus+, o qual trouxe para o concelho alunos e professores da Bulgária, Polónia, França, Chipre e Roménia, para que estes possam conhecer os empregos do mundo contemporâneo altamente digitalizados.

A comitiva foi recebida pelo Vereador da Educação, Paulo Silva, no dia de ontem, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Paredes, no âmbito da receção de boas-vindas, o membro do executivo sublinhou a importância dos projetos para a “partilha de conhecimentos entre os alunos e, consequentemente, o crescimento pessoal e profissional destes mesmos”.

Para o Diretor do Agrupamento de Escolas de Vilela, Albino Pereira, que marcou presença na sessão, foi importante realçar a importância do projeto na vida dos alunos. O intercâmbio de boas práticas consiste numa parceria entre seis escolas de ensino médio que oferecem a oportunidade aos alunos europeus de visitarem outros países da Europa e conhecerem empregos digitalizados do mundo contemporâneo em ambientes de trabalho diferentes, bem como os desafios do mercado de trabalho e as expectativas dos empregadores.

O projeto possui seis intercâmbios de curta duração, ao longo de dois anos, com grupos de alunos e atividades locais. A ideia será incentivar os alunos a realizarem pesquisas sobre as profissões extintas devido às revoluções industriais e tecnológicas, fazendo um prognóstico sobre quais as profissões que irão surgir no futuro devido ao avanço tecnológico e, principalmente, à inteligência artificial.

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido