RegionalTâmega e SousaTâmega e Sousa regista aumento significativo no número de casos de Covid-19

Tâmega e Sousa regista aumento significativo no número de casos de Covid-19

Relacionados

Santo Tirso: Homem que escondia droga num cofre é detido

A PSP deteve, na passada sexta feira, dia 12 de abril, um homem de 25 anos de idade por suspeita de tráfico de droga...

Paços De Ferreira: Ciclovia que liga Paços de Ferreira a Freamunde é inaugurada

A Câmara Municipal de Paços de Ferreira inaugurou, no passado domingo, 14 de abril, a ciclovia que faz a ligação entre as cidades de...

Paços de Ferreira: Atletas Pacenses destacam-se no Campeonato Nacional

Nos passados dias 4 e 7 de abril, o Complexo Olímpico de Piscinas de Coimbra recebeu os Campeonatos Nacionais de Juvenis, Juniores e Absolutos...

A Direção-Geral de Saúde avançou, na passada sexta-feira, o boletim epidemiológico relativo à incidência cumulativa a 14 dias, entre os dias 11 e 24 de novembro, onde é registado um aumento significativo de casos na maioria dos concelhos pertencentes à região do Tâmega e Sousa.

É possível verificar, neste novo registo, que o concelho de Amarante contabiliza agora 276 casos de Covid-19, fruto de um aumento de 159 novos casos no concelho face ao último registo, publicado no dia 12 do presente mês. O município de Baião regista, agora, 167 casos de Covid-19 (+108), Castelo de Paiva conta com 150 casos (+98), Celorico de Basto contabiliza 132 casos (+79), Cinfães regista 83 casos (+50), Felgueiras 123 casos (+64), Lousada regista 118 casos (69), Paços de Ferreira regista 106 casos (+51) e Penafiel contabiliza 120 casos de Covid-19 (+85).

Os únicos concelhos que registaram um decréscimo no número de casos confirmados de Covid-19, numa incidência cumulativa de 14 dias, foram os concelhos do Marco de Canaveses, que regista agora 109 casos, menos 20 do que no último registo, e o concelho de Resende, que contabiliza agora 30 casos, tendo sofrido uma diminuição de 70 casos face ao último registo.

Neste momento, a nível nacional, o R(t) situa-se nos 1,19 o correspondente à zona vermelha no à Matriz de Risco diz respeito. Esta análise foi realizada na passada sexta-feira, um dia após o primeiro-ministro, António Costa, estipular as medidas a implementar em Portugal para combater o aumento de casos Covid-19 face à aproximação das festas na quadra natalícia.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -