DestaqueBaião - Baionenses estão a empobrecer debaixo da governação socialista

Baião – Baionenses estão a empobrecer debaixo da governação socialista

Relacionados

Santo Tirso: Motociclista morre após despiste na Serra da Agrela

Um homem de 33 anos morreu, no passado domingo, dia 19 de maio, na serra da Agrela, em Santo Tirso, após ter sofrido um...

Freamunde: viagens escolares levantam suspeitas

Comportamentos de auxiliar aos alunos de Freamunde nas viagens escolares levanta suspeitas Os encarregados de educação de alunos do Centro Escolar de Freamunde estão a...

Paredes: Homem com antecedentes é detido por violência doméstica

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas de Penafiel deteve, no passado dia 10 de maio,...

“Paulo Portela, vereador do PSD Baião, denunciou o empobrecimento dos baionenses, sobretudo, no último ano. O vereador falava na reunião do Executivo Municipal de 22 de março, a propósito da atribuição por parte da Câmara de um novo conjunto de «prestações pecuniárias de caráter eventual – Situações de Carência Económica e de Risco Social».

Ressalvando que por vezes a atribuição de subsídios é uma forma do poder político controlar a população, Paulo Portela considerou, ainda assim, que «deveria preocupar» o Governo da Câmara «a quantidade de pessoas que [pedem apoio] tem vindo a aumentar, o que significa que no nosso concelho estamos constantemente com mais pessoas e famílias carenciadas à procura de apoio», disse.

Para o vereador, é importante «perceber aonde é que está o mal…se isto é um mal do país… ou é um mal só do concelho? Neste último ano, em que cá estamos, a quantidade de apoios que temos vindo a votar e, que são de certeza absoluta merecedores, tem que nos deixar preocupados», até porque  «em condições normais acho que [a necessidade de apoios] deve diminuir e eles estão a aumentar», sublinhou.

Nesta interpelação à governação socialista, o vereador do PSD sustentou a sua estranheza pelo facto de na apresentação do Orçamento camarário já terem sido anunciados mais de 150 mil euros,  o triplo da verba que estava afeta ao Fundo Social da Câmara. «Se as pessoas estão a precisar mais de apoios sociais, afinal o que é que se passa? É preciso refletirmos sobre isso», concluiu.”

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -