9.9 C
Munique
15.8 C
Porto
NacionalConcelhos na iminência de regredir no desconfinamento

Concelhos na iminência de regredir no desconfinamento

Paredes avançou no desconfinamento esta semana, porém, Castelo de Paiva encontra-se entre os concelhos em risco de regredir no desconfinamento. Resende permanece na segunda fase.

Relacionados

Câmara Municipal de Paços e Ferreira obrigada à alteração de horários da Polícia Municipal por ordem do tribunal

Tendo em conta a situação pandémica nacional que Portugal está a atravessar, a Câmara Municipal de Paços de Ferreira procurou estipular horários de trabalho...

Motociclistas agendam manifestação contra inspeções às motos

Depois de Jorge Delgado, Secretário de Estado das Infraestruturas, ter avançado, a 20 de setembro, que o Governo está a preparar um diploma para...

MEGA emitiu seis milhões de vouchers para manuais gratuitos em Portugal

A plataforma MEGA emitiu seis milhões de vouchers para manuais gratuitos, dos quais 80% já foram resgatados e os livros na posse nos alunos. O...

Neste momento, rumo à quarta fase do desconfinamento, encontram-se os concelhos: Cabeceiras de Basto, Carregal do Sal e Paredes. Além destes concelhos, também as freguesias Odemira, que se encontravam em cerca sanitária, avançam no desconfinamento, no entanto, em velocidades diferentes, avança o jornal Eco.

De momento, nenhum município se encontra na primeira fase, no entanto, o município de Resende e a freguesia de São Teotónio, em Odemira, situam-se na segunda fase do desconfinamento.

Na terceira fase, situam-se os concelhos de Arganil e Lamego. O resto do continente encontra-se na última fase de desconfinamento, sendo que mais atividades passarão a ser permitidas.

Apesar do desconfinamento estar a acontecer “a conta gotas”, os concelhos de Albufeira, Alvaiázere, Castelo de Paiva, Fafe, Golegã, Melgaço, Oliveira do Hospital, Torres Vedras, Vale de Cambra, Vila Nova de Poiares e Odemira, na última semana, registaram uma incidência superior a 120 casos por 100 mil habitantes, encontrando-se numa zona laranja da matriz de risco. Por essa razão, estão na iminência de virem a recuar no desconfinamento.

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido