NacionalFNE insiste na vacinação dos docentes e não docentes do ensino superior

FNE insiste na vacinação dos docentes e não docentes do ensino superior

Relacionados

Paredes: Homem morre após despiste de mota

Um homem, de 29 anos, morreu, no último sábado, dia 20 de julho, na sequência de um acidente na Rua da Ferrugenta em Lordelo,...

Paredes: Idosa morre após despiste de carro

Uma idosa, de 81 anos, morreu, na manhã do passado dia 17 de julho, quando o carro que conduzia se despistou e embateu contra...

Lousada: Homem é detido para cumprimento de pena de prisão efetiva

O Comando Territorial do Porto, através do Posto Territorial de Lousada relatou através de um comunicado que deteve, no passado dia 9 de julho,...

A Federação Nacional da Educação (FNE) insiste junto do Governo na “obrigação da vacinação em Educação incluir os docentes e não docentes do ensino superior, evitando assim que e nenhum setor de ensino fique excluído do processo”, adianta a FNE em nota.

No início do ano escolar, a FNE e os sindicatos apresentaram, junto do Ministério da Educação (ME) a reivindicação e insistência na “necessidade de se vacinarem todos os trabalhadores da educação, docentes e não docentes, nos estabelecimentos de ensino”, confirma a nota da FNE.

O Governo lançou o processo de vacinação de docentes e não docentes do ensino básico e do ensino secundário, faltando os trabalhadores da educação e ensino superior. A FNE afirma que “só com a vacinação de docentes e não docentes de todos os graus de ensino se pode garantir o necessário clima de segurança e confiança no regresso ao ensino presencial”. Isto não irá invalidar a necessidade de os estabelecimentos adotarem os procedimentos, regras e condições de preservação da saúde pública, não devendo haver recuos.

Assim, para a FNE é fundamental que se adote, brevemente, a decisão de vacinação dos docentes, não docentes e alunos do ensino superior.

publicidade
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -