21.3 C
Munique
19.9 C
Porto
NacionalBoletins de votos errados adiam eleições em duas freguesias

Boletins de votos errados adiam eleições em duas freguesias

Relacionados

Penafiel – Apreensão de armas ilegais

No âmbito de uma denúncia por ameaças com recurso a armas de fogo, no dia 3 de julho, os militares da guarda do posto...

Cerimónia de comemoração dos 91 anos da instituição em Paços de Ferreira brindada com medalha por serviços distintos de Grau Ouro

Zeferino Barbosa, presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Paços de Ferreira (AHBVPF), recebeu a medalha por serviços distintos de Grau Ouro da...

Amarante – Detido por posse de arma proibida

O Comando Territorial do Porto, através do Posto Territorial de Amarante, hoje, dia 30 de junho, deteve um homem de 23 anos por posse...

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) revelou que, face aos erros existentes nos boletins de voto nas Assembleias de Freguesia de Águeda e Idanha-a-Nova, as eleições foram adiadas duas semanas.

Relativamente ao restante país, o porta-voz da CNE avançou à Lusa que “as eleições estão a correr muito bem, só foram identificadas duas situações”, referindo-se às freguesias cujos boletins apresentaram erros.

O sucedido aconteceu na freguesia de Águeda, onde uma das forças candidatas foi substituída, de acordo com a TSF, “por outra ‘que nem era concorrente’, assim como outro boletim de voto em Idanha-a-Nova em que falta uma candidatura”, explica.

Os eleitores de Idanha-a-Nova, pertencentes à freguesia de Monfortinho e Salvaterra do Extremo só votarão para a câmara e assembleia municipal de Idanha-a-Nova, sendo que, a votação para a eleição da assembleia da freguesia só irá acontecer 14 dias após o dia de eleições (26 de setembro).

O mesmo acontece na União de Freguesias de Trofa, Segadães e Lamas do Vouga, localizada em Águeda, onde a eleição dos elementos para a Assembleia de Freguesia serão escolhidos dentro de duas semanas.

Os erros identificados nos boletins seguem para as respetivas autárquicas, cabendo aos presidentes de Câmara realizar um novo processo com novos boletins de voto.

As eleições decorreram a nível nacional, durante o dia de ontem, tendo sido atribuídos 2.056 mandatos, encontrando-se, de momento, ainda 8 por atribuir. Dos 9.286.601 votantes inscritos, votaram 4.985.475 pessoas.

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido