9.9 C
Munique
15.8 C
Porto
RegionalCHTS recebeu dois doentes COVID do hospital de Braga

CHTS recebeu dois doentes COVID do hospital de Braga

O Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) está a ajudar o Hospital de Braga, da mesma forma que este mesmo hospital ajudou o CHTS em momentos de maior afluência.

Relacionados

Câmara Municipal de Paços e Ferreira obrigada à alteração de horários da Polícia Municipal por ordem do tribunal

Tendo em conta a situação pandémica nacional que Portugal está a atravessar, a Câmara Municipal de Paços de Ferreira procurou estipular horários de trabalho...

Motociclistas agendam manifestação contra inspeções às motos

Depois de Jorge Delgado, Secretário de Estado das Infraestruturas, ter avançado, a 20 de setembro, que o Governo está a preparar um diploma para...

MEGA emitiu seis milhões de vouchers para manuais gratuitos em Portugal

A plataforma MEGA emitiu seis milhões de vouchers para manuais gratuitos, dos quais 80% já foram resgatados e os livros na posse nos alunos. O...

O Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) recebeu, hoje, dois doentes dos cuidados intensivos do Hospital de Braga que, em altura de dificuldades, também ajudou o CHTS.

Depois de momentos difíceis, vividos em outubro e novembro, de acordo com o CHTS “com um autêntico TSUNAMI de doentes COVID em afluência simultânea e completamente inusitada, onde se chegou a um máximo de 235 doentes”, representando, na altura, 10% dos doentes COVID ao nível nacional, o triplo de doentes COVID internados no Hospital de São João e o quadruplo dos internados por COVID no Hospital de Santa Maria.

Neste momento, o CHTS afirma viver momentos de menor pressão, permitindo a retoma do tratamento de doentes não COVID, bem como “cumprir a promessa feita na altura mais complicada: ajudar outros hospitais logo que possível”, refere o hospital.

Assim, o CHTS refere a importância de cumprimento do espírito solidário do Serviço Nacional de Saúde (SNS) de funcionamento articulado e em rede. Até ao momento, o CHTS diz ter recebido “cerca de uma dúzia de doentes de hospitais da zona de Lisboa, Loures, Almada, Aveiro, Santo Tirso e hoje foi possível disponibilizar duas camas de cuidados intensivos ao Hospital de Braga”, confirma.

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido