DestaqueMovimento Juntos por Paredes quer que o município volte a oferecer testes...

Movimento Juntos por Paredes quer que o município volte a oferecer testes rápidos à Covid-19

Relacionados

Paredes: Homem morre após despiste de mota

Um homem, de 29 anos, morreu, no último sábado, dia 20 de julho, na sequência de um acidente na Rua da Ferrugenta em Lordelo,...

Paredes: Idosa morre após despiste de carro

Uma idosa, de 81 anos, morreu, na manhã do passado dia 17 de julho, quando o carro que conduzia se despistou e embateu contra...

Lousada: Homem é detido para cumprimento de pena de prisão efetiva

O Comando Territorial do Porto, através do Posto Territorial de Lousada relatou através de um comunicado que deteve, no passado dia 9 de julho,...

Face ao estado de calamidade decretado no dia 1 de dezembro, o Movimento Juntos por Paredes solicita à Câmara Municipal de Paredes o recomeço do programa de testagem gratuita para minimização do impacto da Covid-19 no concelho, bem como nas atividades económicas.

O Movimento Juntos por Paredes refere que o estado de calamidade tem como recomendação geral a testagem regular, exigindo-se o teste negativo, mesmo a quem se encontra vacinado, no acesso a visitas a lares, nas visitas a pacientes internados em estabelecimentos de saúde, grandes eventos sem lugares marcados ou em recintos improvisados e recintos desportivos, restaurantes, discotecas e bares.

Face à época natalícia em que nos encontramos e tendo em contas as atividades regulares associadas, o Movimento Juntos por Paredes solicita que o programa de testagem seja retomado, com pontos de testagem ao longo do concelho ou mesmo em versão itinerante, por forma a promover soluções de proximidade para que os cidadãos possam viver com uma normalidade maior, dando-lhes mais opções, mais cómodas e gratuitas para a testagem, favorecendo a salvaguarda das dinâmicas económicas do concelho.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -