DestaqueOutdoors do PSD Paços de Ferreira "olarilólé"

Outdoors do PSD Paços de Ferreira “olarilólé”

Relacionados

Paredes: Dois homens com antecedentes detidos por roubo

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal de Penafiel deteve, no passado dia 12 de junho, dois homens de 28...

Santo Tirso: Câmara Municipal alvo de buscas pela PJ

A Polícia Judiciária do Porto realizou, na passada quarta-feira, dia 12 de junho, buscas na Câmara Municipal de Santo Tirso e em três empresas...

AD e PS dividem vitórias nos Concelhos da Região do Tâmega e Sousa

A população europeia, foi, no passado dia 09 de junho, chamada a votar para eleger os assentos no Parlamento Europeu. Na região do Tâmega...

O Partido Social Democrata de Paços de Ferreira espalhou outdoors em várias freguesias do concelho, com mensagens críticas e sarcásticas ao trabalho do executivo municipal liderado por Humberto Brito do Partido Socialista.

etar-e1697202986823
Direitos Reservados

Pode ler-se em algumas mensagens, “Adivinha quem consegue gastar meio milhão € em festas, mas não ajuda os jovens nas propinas. Olarilólé olarilolé adivinha lá quem é.” e “Adivinha o próximo Presidente de Junta PS a ter um tacho na Câmara.”.

Humberto Brito, presidente eleito pelo partido socialista da edilidade Pacense, reagiu nas suas redes sociais para comentar que, “Iniciou hoje no concelho a disputa entre o PSD e o CHEGA para ver quem consegue ser o partido mais RELES! Acredito que será uma luta renhida!”.

olarilole-1-e1697203043694
Direitos Reservados

Júlio Morais, vereador deste município, também reagiu com indignação através dos mesmos meios, dizendo saber, assim como o executivo que integra, “que um político deve estar preparado para quase tudo, a quase toda hora”, mas que “o cenário com que despertamos hoje é, muito claramente, um daqueles que não é coberto por esse “quase””.

pav-e1697203298806
Direitos Reservados

Já Jocelino Moreira, presidente da junta de freguesia de São Pedro Raimonda, eleito pelo mesmo partido, e agora, nomeado para o cargo de secretário do Gabinete de Apoio à Vereação, recorreu também à sua rede social para dizer que o líder do PSD “apoiado por dois ou três “ideólogos”, “decidiu baixar o nível, borrando as mãos com óleo de motorizadas usadas”.

Tachos-e1697203103319
Direitos Reservados

A um jornal local, Alexandre Costa, presidente da Comissão Política do PSD de Paços de Ferreira, referiu que esta campanha, conduzida pelo PSD e com um QRCode que fundamenta cada mensagem que o outdoor quer transmitir almeja “alertar, com algum humor, para a normalização de opções com as quais o PSD não concorda”, mais propriamente “quanto ao facto de quase metade dos presidentes de junta serem assessores na Câmara, o que não dignifica o serviço público ou o investimento de cinco milhões de euros que foi feito na ETAR e ela não funciona”, exemplificou. “Mas também não é normal esta política que tem havido em relação a festas e eventos, sem calendarização.

Somos a favor da organização de eventos, mas não pode atingir estes patamares quando há outras necessidades, nomeadamente apoiar os jovens no pagamento das propinas”.

Ao emissor, Alexandre Costa, eleito vereador pelo PSD e em representação dos munícipes democratas, refere que as respostas que alguns deram nas redes sociais aos outdoors, apenas demonstram ser ofensivas para uma boa parte da população trabalhadora do concelho, assim como, para aqueles que votaram e se reveem no PSD.

O jornal emissor, tentou obter feedback por parte do Presidente da Concelhia do Partido Socialista de Paços de Ferreira, Paulo Ferreira, mas como já é habitual, sem sucesso.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -