CulturaRota do Românico lança atividade que permite conhecer os bens patrimoniais da...

Rota do Românico lança atividade que permite conhecer os bens patrimoniais da rota

Relacionados

Paços de Ferreira: Três homens detidos por furto qualificado

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Felgueiras deteve, no passado dia 22 de maio, três homens com...

Paços de Ferreira: Monte do Pilar recebe Prova de Trial

No próximo dia 26 de maio, o Monte do Pilar, em Penamaior, vai receber uma prova do Campeonato Nacional de Trial, inserida no calendário...

Santo Tirso: Motociclista morre após despiste na Serra da Agrela

Um homem de 33 anos morreu, no passado domingo, dia 19 de maio, na serra da Agrela, em Santo Tirso, após ter sofrido um...

A Rota do Românico concluiu o projeto relativo à rede temática de geocaching com a instalação de 31 geocaches nos próprios monumentos e centros de interpretação.

A atividade recreativa é dinamizada ao ar livre e pode ser realizada em grupo ou individualmente, com o objetivo de encontrar recipientes georreferenciados escondidos em locais públicos com recurso a um dispositivo com sistema de posicionamento global (GPS) como é o caso do telemóvel.

Esta “casa ao tesouro” é partilhada online nas redes sociais e na plataforma www.geocaching.com, onde são publicadas as geocaches disponíveis, assim como as pistas para localização.

A atividade tem vindo a atrair um crescente número de participantes, tendo sido registados, em Portugal, cerca de 53 mil praticantes, existindo 83 mil geocaches ativas. O geocache apresenta-se, assim, como uma ferramenta, bem como um “pretexto” complementar, para a descoberta e exploração dos bens patrimoniais da Rota do Românico e do território de influência.

O projeto, pertencente à Rota do Românico, está disponível desde o mês de julho de 2021, tendo sido desenvolvido pela equipa do Centro de Estudos de Geografia e Ordenamento do Território da Universidade de Coimbra, contando já com cerca de 550 registos do tipo “encontrei” na plataforma.

Esta rede está enquadrada no projeto EEC PROVERE Turismo para Todos: Valorização, dinamização e promoção turística da região, sendo cofinanciado pelo Norte 2020, Portugal 2020 e União Europeia.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -