OpiniãoA Marca "Capital do Móvel": Uma Oportunidade para Impulsionar Paços de Ferreira

A Marca “Capital do Móvel”: Uma Oportunidade para Impulsionar Paços de Ferreira

Relacionados

A importância da Reciclagem

Sabia que, em 2022, Portugal produziu cerca de cinco milhões de toneladas de resíduos? Isto corresponde a cerca de 512 kg de resíduos por...

A importância do CED em matilhas

Como é do conhecimento público, assim como da autarquia de Valongo, são inúmeras as matilhas existentes em várias zonas do Concelho de Valongo. O Concelho...

O novo (des)governo

Em 2015 ficou célebre a tirada da direita quando a correlação de forças à esquerda conseguiu destronar a direita do poder e assim impedir...

No nosso concelho ecoa, em todos nós, o orgulhoso símbolo da indústria de mobiliário em Portugal. A marca “Capital do Móvel” é um nome que se faz ouvir além das nossas fronteiras e conquistou reconhecimento ao longo dos anos. Contudo, há uma oportunidade que talvez ainda não tenhamos explorado completamente – A marca “Capital do Móvel” como uma ferramenta estratégica para promover nosso concelho em todas as vertentes.

Desde a criação da feira “Capital do Móvel” na década de 1980, a marca tornou-se sinónimo de qualidade, inovação e excelência na indústria de mobiliário. O evento cresceu em escala e importância, atraindo dezenas de milhares de visitantes durante várias décadas, e gerando uma receita significativa na comercialização de mobiliário e artigos de decoração. A nossa “Capital do Móvel” era o maior evento do género em Portugal, e essa distinção de outrora não deve ser subestimada.

Entretanto, ao observarmos outros concelhos que investiram em marcas próprias para identificar seus territórios, percebemos o impacto positivo que uma marca bem-sucedida pode trazer para o desenvolvimento económico e turístico de uma região. Como são os casos de “Sentir Penafiel” ou “Vizela ! Segredos de um vale”, entre muitos outros.

A marca “Capital do Móvel” possui um poder único para atrair atenção, despertar interesse e destacar o potencial do nosso território. Aproveitar a marca nas nossas ações promocionais e comunicações institucionais é uma oportunidade que não podemos perder.

Imagine o nome “Capital do Móvel” estampado em todos os eventos realizados no nosso concelho e assumir o papel de marca institucional do nosso município. Uma marca que já conquistou reconhecimento nacional e internacional, e o seu uso consistente e abrangente poderia reforçar ainda mais a identidade de Paços de Ferreira como um destino de referência no setor do mobiliário. Isso atrairia mais visitantes, investidores e turistas, impulsionando a nossa economia local e criando oportunidades para os nossos empresários e empreendedores.

Em 2024 a nossa marca completa 40 anos de existência. Este feito deve ser aproveitado para efetuar um relançamento, com nova imagem, com mais modernidade, e integrar de forma estratégica a marca “Capital do Móvel” em todas as esferas de promoção e comunicação concelhia, e trazer de volta um certame do mobiliário para o nosso concelho. Uma nova abordagem, que reforçará a presença no mercado nacional e internacional, garantindo que o concelho seja lembrado não apenas como um local de destaque no fabrico de mobiliário, mas também como uma referência em diversas áreas.

É o momento de aproveitar ao máximo a marca “Capital do Móvel” e mostrar ao mundo o que nosso município tem para oferecer. Escrever um novo capítulo na história da “Capital do Móvel” e de Paços de Ferreira, impulsionando o nosso potencial económico, fortalecendo nossa identidade e promovendo nosso património cultural, gastronómico e empresarial.

Os atuais responsáveis autárquicos devem refletir sobre esta vantagem competitiva que temos em mãos, deixar de experimentalismo, como a Capital Europeia, e aproveitar a força da marca “Capital do Móvel” para elevar o nome de Paços de Ferreira a patamares ainda mais altos.

Acreditar na nossa marca, no nosso potencial e no nosso concelho. Com determinação, façamos do concelho de Paços de Ferreira uma referência ainda mais forte na indústria do mobiliário, um lugar onde a excelência e a inovação caminham lado a lado com a qualidade de vida, de quem cá vive e de quem nos visita.

Alexandre Costa

 

 

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -