2.7 C
Munique
9.2 C
Porto
RegionalAmaranteHomem de 48 anos detido em Amarante por violência doméstica

Homem de 48 anos detido em Amarante por violência doméstica

Relacionados

Associação de Municípios do Douro e Tâmega (AMDT) com orçamento de 1,37M para 2023

O Conselho Diretivo da Associação de Municípios do Douro e Tâmega (AMDT) aprovou hoje, 28 de novembro, o Plano Plurianual de Investimentos 2023-2026. O documento prevê...

Pedro Santinho Mendes estreia-se a vencer em Fronteira

Com muitos milhares de espetadores e um sol radioso, a 10ª edição da BP Ultimate 4 Horas SSV Vila de Fronteira foi pródiga em...

Braga – Câmara de Braga transfere mais de 600 mil euros para Freguesias e instituições do Concelho

Mais de 600 mil euros é quanto o Município de Braga vai transferir para financiar a execução de várias obras em diversas Freguesias e...

A GNR, através do Núcleo de Investigação e Apoio à Vítima de Penafiel, deteve no passado domingo, um homem de 48 anos por violência doméstica no concelho de Amarante.

A GNR apurou que a vítima, uma mulher de 35 anos, era sujeita a “violência física e sexual, por parte do agressor, seu marido, com quem estava casada há um ano”, refere a GNR em comunicado.

No decorrer deste período, a GNR realça que a violência em causa tomou proporções maiores quando o agressor passou a consumir bebidas alcoólicas e, nos últimos três meses, foi possível apurar que o suspeito exerceu, por diversas vezes, “violência física, sexual e psicológica contra a ofendida”.

Face ao escalar da violência e no seguimento da ação policial, o suspeito foi detido e presente, no dia de ontem, a primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Instrução Criminal de Penafiel, ficando sujeito às medidas de coação de “proibição de permanecer ou de se aproximar da residência da família, num raio de 300 metros, controlado por pulseira eletrónica, proibição de contactar por qualquer forma ou por interposta pessoa a ofendida, e à obrigação de se sujeitar a avaliação médica e eventual tratamento à sua dependência alcoólica, nos termos a definir pela Direção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais”, conclui a GNR.

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido