-0.5 C
Munique
11.8 C
Porto
RegionalDetidos em Barcelos por condução ilegal e tentativa de furto de habitações

Detidos em Barcelos por condução ilegal e tentativa de furto de habitações

Foi detido um homem de 49 anos por conduzir sem habilitação, bem como dois homens de 44 e 50 anos por tentativa de furto numa residência em Barcelos

Relacionados

GNR deteve jovem por tráfico de droga em Paços de Ferreira

A GNR de Paços de Ferreira deteve, ontem, um homem de 22 anos por tráfico de droga no concelho. No âmbito de uma ação de...

179 cidadãos de Baião exerceram o voto antecipado em mobilidade

No passado domingo, no concelho de Baião, 179 cidadãos exerceram o seu direito ao voto antecipado em mobilidade no âmbito das eleições legislativas de...

Santo Tirso: Incêndio deflagra numa habitação em Refojos

Ontem, ocorreu um incêndio numa habitação na Rua de Sande, em Refojos, município de Santo Tirso. O alerta para o incêndio foi dado pelas...

A GNR de Braga deteve, ontem, um homem de 49 anos por conduzir sem habilitação legal, bem como constituiu arguidos dois homens de 44 e 50 anos por tentativa de furto em residência na freguesia de Barqueiros, no concelho de Barcelos.

Na sequência de uma ação de patrulhamento, a GNR abordou uma viatura e, após interceção da mesma, “verificaram que no seu interior seguiam três indivíduos que transportavam consigo diverso material suspeito”, nesse sentido, após realização das respetivas diligências, a GNR apurou que os homens objetivavam furtar residências.

Por esse motivo, foi apreendida uma arma de airsoft não sinalizada, uma pistola de alarme, uma réplica de uma carta profissional de militar da Guarda, diversas ferramentas destinadas ao arrombamento de residências, luvas e gorros para ocultar as identidades.

Os homens em questão, com antecedentes criminais por roubos com recurso a armas de fogo, furtos, sequestro e usurpação de funções, foram constituídos arguidos e, no decorrer da ação, a GNR verificou ainda que o suspeito de 49 anos se encontrava a conduzir a viatura sem habilitação legar para o efeito, tendo sido detido.

A GNR remeteu os factos para o Tribunal Judicial de Barcelos.

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido