-0.5 C
Munique
11.8 C
Porto
RegionalLousadaLousada quer vacinação contra a Covid-19 para motoristas dos transportes coletivos

Lousada quer vacinação contra a Covid-19 para motoristas dos transportes coletivos

Município refere que as Juntas de Freguesia não dispõem de recursos humanos suficientes para substituição dos motoristas.

Relacionados

GNR deteve jovem por tráfico de droga em Paços de Ferreira

A GNR de Paços de Ferreira deteve, ontem, um homem de 22 anos por tráfico de droga no concelho. No âmbito de uma ação de...

179 cidadãos de Baião exerceram o voto antecipado em mobilidade

No passado domingo, no concelho de Baião, 179 cidadãos exerceram o seu direito ao voto antecipado em mobilidade no âmbito das eleições legislativas de...

Santo Tirso: Incêndio deflagra numa habitação em Refojos

Ontem, ocorreu um incêndio numa habitação na Rua de Sande, em Refojos, município de Santo Tirso. O alerta para o incêndio foi dado pelas...

No sentido de reforço das medidas no combate à Covid-19, o Município de Lousada, através de Nelson Oliveira, vereador do pelouro da Saúde, enviou uma carta ao Coordenador da Task Force, Vice-almirante Gouveia e Melo, para a vacinação.

No que diz respeito a esse documento, o Município solicita a autorização para que “os funcionários adstritos ao transporte escolar ou de idosos, pertencentes aos quadros do Município ou Juntas de Freguesia possam ser vacinados o mais depressa possível, uma vez que estão a colocar em risco o funcionamento normal da atividade escolar e, para além disso, poderíamos contribuir para uma maior segurança de todos os intervenientes do contexto escolar e de apoio social aos mais idosos”, salienta o Nelson Oliveira.

O vereador da Saúde avançou, de igual forma, a existência da forte possibilidade de o concelho ser confrontado com dificuldades, de acordo com o próprio, “em virtude do aparecimento de alguns casos de Covid-19 na comunidade e envolvendo os motoristas de transporte escolar do Município e Juntas de Freguesia, obrigando-as a períodos de quarentena que, desta forma, colocam em causa o funcionamento normal das atividades escolares”, esclarece.

É ainda referido, no documento enviado à Direção-Geral da Saúde, o facto de as Juntas de Freguesia não terem recursos humanos especializados para fazer face a estas substituições.

O Município de Lousada pretende sensibilizar as autoridades para a vacinação deste grupo de colaboradores, uma vez que estes se encontram em contacto direto com dois grupos mais sensíveis: as crianças e os idosos.

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido