-4.4 C
Munique
7.5 C
Porto
DestaquePSD de Paços de Ferreira acusa comportamento anti-democrático na Assembleia Municipal

PSD de Paços de Ferreira acusa comportamento anti-democrático na Assembleia Municipal

Relacionados

Paredes – Instabilidade na administração do SMAS preocupa PSD Paredes

Instabilidade na administração do SMAS preocupa PSD Paredes. Renato Almeida nem aqueceu o lugar. O presidente da concelhia do PSD de Paredes e vereador Ricardo...

Paços de Ferreira – Presidente de Câmara Municipal, Humberto Brito, acusado de maus-tratos

O presidente do Município de Pacense, Humberto Brito, foi acusado de violência doméstica contra a mulher, de quem se divorciou. Em 2021, o juiz decide...

PSD de Paredes e Paços de Ferreira visitam CFPIMM

As concelhias políticas do PSD de Paredes e Paços de Ferreira visitaram no passado dia 31 de janeiro, o CFPIMM (Centro de Formação Profissional...

Após ter sido realizada a Assembleia Municipal na passada terça-feira, 3 de agosto, e da transmissão em direto da mesma, o Partido Social Democrata procurou esclarecer o porquê do silêncio existente na própria bancada no decorrer da Assembleia.

De acordo com o comunicado avançado pelo Líder da Bancada do PSD de Paços de Ferreira, Luís Miguel Martins, o partido refere ter assumido a posição de silêncio uma vez que o PSD tem vindo a reivindicar a transmissão em direto da Assembleia Municipal, tendo o PS votado sempre contra.

Neste âmbito, o Líder da bancada do PSD avança que o partido foi “impedido de efetuar uma declaração sobre este tema no início da Assembleia”, acrescentando ser “um claro atentado, mais um, à nossa liberdade democrática, com a gravidade de ter sido praticada na casa da democracia”, esclarece Luís Martins.

“Entendemos que, se não nos foi possível falar no início da Assembleia, também não deveríamos fazê-lo durante os pontos da ordem de trabalhos, num sinal de protesto contra esta atitude anti-democrática, a todos os níveis, condenável”, refere o líder da bancada do PSD.

Foi ainda referido no mesmo comunicado que o atual Presidente da Assembleia Municipal de Paços de Ferreira, Miguel Costa “demonstra incapacidade para ocupar o cargo”, considerando-o submisso ao atual executivo.

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido