2 C
Munique
7.8 C
Porto
RegionalPaços de FerreiraPSD de Paços de Ferreira acusa os socialistas do concelho de enganarem...

PSD de Paços de Ferreira acusa os socialistas do concelho de enganarem os investidores imobiliários

De acordo com o Partido Social Democrata de Paços de Ferreira os socialistas do concelho ainda não deliberaram a isenção de taxas e licenças para projetos de investimento imobiliário

Relacionados

Acidente em Santo Tirso provoca um ferido

Esta manhã, na Rua de Fontiscos em Santo Tirso, ocorreu um acidente de viação, o qual provocou um ferido leve. O alerta foi dado pelas...

Entrega de Prémios de Eurohockey Indoor Championship em Paredes

Ontem, em Paredes, decorreu o último dia de competição do Campeonato Europeu de Hóquei Indoor de Seniores Masculinos. No local, marcou presença o vereador...

Penafiel: Despiste em Rio de Moinhos provoca três feridos

Ontem, na sequência de um despiste de carro, em Rio de Moinhos, no concelho de Penafiel, três pessoas ficaram feridas. Um dos feridos teve de...

De acordo com o Partido Social Democrata de Paços de Ferreira, após ter sido anunciado, a 12 de novembro, a isenção de taxas e licenças para projetos de investimento imobiliário, “passados cinco meses o executivo socialista na Câmara Municipal de Paços de Ferreira ainda não deliberou o acesso a tais benefícios”, refere o partido.

O partido recorda ainda que o partido socialista, nos últimos meses, se desdobrou em “visitas a alguns investimentos em curso, publicando nas redes sociais que tais investimentos têm sido resultado desses benefícios fiscais”, sendo que as isenções acabam por nunca acontecer.

O PSD de Paços de Ferreira lamenta a falta de estratégia para a habitação do concelho e refere que “esta postura de falta de respeito para com os empresários cria ainda uma maior desconfiança nos investidores”.

Após já ser conhecida a atuação populista do atual executivo que, de acordo com o PSD de Paços de Ferreira, “coloca o seu principal eixo de atuação apenas no anúncio de medidas nas redes sociais, não as colocando depois em prática”.

Em nota, o PSD de Paços de Ferreira desafia o executivo municipal a regularizar a promessa realizada com efeitos retroativos à data do anúncio, explicando que “a relação da Câmara Municipal com os munícipes tem de ser séria”.

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido