OpiniãoQuero denunciar o contrato de Trabalho. Como e em que prazos devo...

Quero denunciar o contrato de Trabalho. Como e em que prazos devo comunicar tal intenção ao empregador?

Relacionados

Parque das serras do Porto ou Parque da Monocultura navigator?

Serra de Santa Justa a que melhor conheço, na era Romana denominada como Serra Cuca Macuca. Na era Romana (século II) rica pela exploração mineira...

Quanto se ganha por hora de trabalho em Portugal?

Algo importante na vida de todos e todas que trabalham é o salário. É com ele que pagamos as contas do nosso quotidiano, que...

A mineração por Penafiel

No passado dia 27 de dezembro terminou a consulta pública sobre o pedido de atribuição de direitos de prospeção e pesquisa de depósitos minerais...

O Trabalhador pode denunciar o seu contrato de trabalho, desde que comunique ao empregador, por escrito, e com uma antecedência mínima de 30 ou 60 dias, conforme a duração do seu vínculo laboral (duração do contrato de trabalho).

O prazo de aviso prévio pode aumentar por força do previsto em contrato de trabalho e em instrumento de regulamentação coletiva de trabalho, a atenta a natureza das funções exercidas pelo trabalhador.

Note-se que o prazo de aviso prévio é reduzido para 30 ou 15 dias nos contratos de trabalho a termo, e consoante a duração do contrato.

Nesta modalidade de cessação do contrato de trabalho – denúncia pelo trabalho com aviso prévio – o trabalhador cessa o seu vínculo laboral independentemente de justa causa, o mesmo é dizer, o trabalhador não tem de alegar factos justificativos da sua intenção de fazer cessar o seu contrato de trabalho.

Deverá, apenas e tão só, comunicar a intenção de cessar o contrato ao empregador e respeitar o prazo do aviso prévio, popularmente designado por “dar o tempo à casa”.

Com a nova alteração ao Código do Trabalho, aprovada pela Lei n.º 13/2023, de 3 de Abril, e com entrada em vigor em 01.05.2023, o trabalhador a quem tenha sido atribuído o estatuto de vítima de violência doméstica, nos termos da legislação específica, fica dispensado de cumprir com o aviso prévio.

Quais as consequências de não respeitar o aviso prévio?

O incumprimento do aviso prévio, total ou parcialmente, faz incorrer o trabalhador no pagamento de uma indemnização ao empregador de valor igual à retribuição base e diuturnidades correspondentes ao período em falta.

Pode ainda o trabalhador incorrer numa indemnização por danos causados pela inobservância do prazo de aviso prévio ou de obrigação assumida em pacto de permanência.

Assim, pretendendo o trabalhador denunciar o contrato de trabalho sem justa causa, deverá atender ao prazo do aviso prévio que deve respeitar.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -